NOTÍCIAS

FIQUE POR DENTRO DO MUNDO DAS PISCINAS

Canapé: o complemento perfeito




 

Canapé: o complemento perfeito

 

Ideais para acompanharem drinks, os canapés agradam todas as idades. Com sabores bem combinados e muito requinte, estas pequenas pérolas da culinária não exigem longo tempo de preparo nem experiência.


O sucesso da dupla drink & canapé é infalível: um toque salgado aguça o paladar para o sabor da bebida, e vice-versa.

Este agradável jogo de contrastes pode perpetuar-se até o sol ir embora, com a vantagem de não excluir os abstêmios: canapé vai bem com suco, refrigerante, água ou qualquer outra bebida. O que importa mesmo é uma aparência convidativa e bem cuidada. "Este ponto é mais fundamental do que pode parecer à primeira vista" - explica-nos Kwang Tin Hui, do São Paulo Hilton Hotel. "O gosto de um canapé já começa no olhar", acrescenta.

Não há exagero algum nesta afirmação. Qualquer cozinheiro renomado, como o Porfírio Zeledon, Chefe de Cozinha do Mofarrej Sheraton Hotel, é capaz de gastar mais tempo nos detalhe finais que na preparação de um canapé. É; ele quem dá também um importante conselho: "Muito cuidado ao manipular lagostas ou camarões. Eles estragam facilmente e o melhor é preparar o canapé e deixá-Io na geladeira até o momento de servir".

As sugestões de Porfírio, Chefe de Cozinha do Mofarrej Sheraton Hotel:

Canapé de Camarão

Cozinhar o camarão, da mesma forma que a lagosta, durante 5 minutos.

Descascar, limpar e abrir no estilo "mariposa" - um corte nas costas, de modo a dividir o camarão em 2 partes sem separá-Ias. Colocar no pão preto com manteiga e alface. Decorar com salsinha crespa.

Canapé de Caviar

Cortar o pão torrado em círculo, colocar manteiga e o caviar por cima.

Decorar com uma fatia bem fina de cebola rodeada de manteiga com limão.

Fois Gras

Cortar uma fatia de Fois Gras (um tipo de paté de fígado mais consistente) e colocar em pão torrado com manteiga.

Decorar com azeitona preta.

Canapé de Lagosta

Cozinhar a lagosta em água fervente durante 10 minutos, com vinagre, sal, cebola, aipo e uma folha de louro.

Após o cozimento, cortá-Ia em postas finas. Untar manteiga em pão preto cortado em círculo. acrescentando uma camada de alface. Por cima vai a lagosta, decorada com rabanetes (em formas geométricas, como losango, por exemplo), azeitona preta e salsinha crespa.

Canapé de Salmão Defumado

Colocar o salmão defumado em fatias (2 ou 3) sobre o pão preto, torrado, com alface entre o peixe e o pão. A decoração (que funciona também como condimento nos canapés) é feita com pedaços de pimentão vermelho.

As sugestões de Kwang Tin Hui, sub-chefe de cozinha do Hilton Hotel:

Bolinho de Bacalhau


Ingredientes: 500 g de bacalhau, 400 g de batata, 100 g de farinha de trigo, 2 ovos, óleo para tritura, sal, pimenta e salsa a gosto.

Modo de fazer: desfiar o bacalhau cozido e passar a batata, também cozida, na peneira. Combinar os ingredientes, inclusive o ovo e a pimenta, até formar uma massa. Está pronto para a tritura e rende 12 porções.

Canapé de Presunto

Colocar no pão de forma torrado, alface e uma fatia de presunto Parma (um tipo de presunto cru). Acrescentar melão, se possível em bolinhas, sobre o presunto.

Canapé de Ovo de Codorna

Pão de forma com manteiga e alface, com um ovo de codorna, cozido e cortado em 2 partes, por cima. Como guarnição, uma pequena quantidade de caviar preto ou vermelho.